Santo André tem praças cobertas de mato

Matagais tomam o lugar das praças
no Bairro Campestre em Santo André

Tudo bem que o nome do bairro, que faz divisa com São Caetano do Sul,  seja 'Campestre'. Mas a prefeitura de Santo André não precisava exagerar na caracterização, deixando as praças daquele bairro residencial em completo abandono, tomadas por capim e ervas daninhas.
Nas fotos abaixo o Celular Implacável NP mostra detalhes da praça que fica na esquina das ruas Tietê e Diogo Fernandes. Mas o mato é regra geral em todos os espaços públicos do bairro, que é tido como dos mais tradicionais na cidade.
Em alguns desses espaços, além do mato produzido pelo descaso da prefeitura, veículos são estacionados à sombra do arvoredo, que poderia ser muito melhor aproveitado pelas pessoas caso o poder público cuidasse do local, colocando, entre outros melhoramentos, alguns bancos.
Santo André, na região do ABC paulista, já foi chamada de Capital das Multas. Tinha até um slogan: Visite Santo André e ganhe uma multa. Agora, como o incauto internauta pode ver, passará a ser a Capital dos Matagais, com novo slogan: Visite Santo André e ganhe uma picada de cobra...







2 comentários:

Anônimo disse...

Acho que o poder público não coloca bancos com medo de os moradores de rua tomarem conta do pedaço. Mas, além do desleixo da prefeitura os moradores do local tb precisam se educar mais e não jogar lixo - como é comum ser encontrado nessas praças - e recolher os cocos de seus pets, pq andar pelas calçadas do Campestre é como andar num campo minado.

Anônimo disse...

Mas em Santo André o descaso não está só nas praças. É amplo, geral e irrestrito. As ruas, por exemplo. Cada cratera!